Vai comprar um imóvel? Saiba 2 pontos para se levar em conta nessa hora!

Comprar um imóvel, seja para moradia ou investimento, é uma decisão marcante. Quando você busca por imóveis, certamente irá observar vários pontos como localização, segurança, vizinhança, infraestrutura do bairro entre outros aspectos estéticos e estratégicos que todos sempre se preocupam.

No entanto, quais são os fatores para levar em conta na hora de comprar um imóvel? Quais itens o brasileiro valoriza antes de concretizar essa operação? Em quais comportamentos você pode se basear para tomar a sua decisão?
Separamos 2 aspectos que acreditamos ser se máxima importância na hora de comprar!


Selecione suas preferências e defina seus objetivos


Definir suas prioridades de bairro e região antes de comprar um imóvel é imprescindível, mas saiba que sem selecionar quais condições do imóvel estarão de acordo com as suas necessidades a sua procura será bem mais difícil.
Simplificar esse processo significa estabelecer suas preferências e de que tipo de espaço você vai precisar. Tamanho dos dormitórios? Segurança com alta tecnologia? Área verde? Sala de jantar maior? Espaço para home office?

O primeiro passo é listar aquilo que você necessita e, em outra lista, aquilo que você não abre mão. Depois, é hora de buscar imóveis que se encaixam completamente na primeira lista e, depois, ir riscando as prioridades da sua lista “extra”.

Lembre-se que todos os itens desejados devem estar alinhados com o valor de pretensão a ser investido. Quanto maior o filtro e quanto mais certo o seu objetivo, mais êxito você terá na hora das escolhas.


Dê atenção ao meio em que vai comprar o imóvel


Uma das dicas mais importantes para se levar em consideração no momento de comprar um imóvel é o meio pelo qual você vai adquirir esse bem.

A compra de imóvel com imobiliária foi uma solução escolhida por 50% dos brasileiros que participaram do estudo, o que mostra as facilidades e a relação de confiança que é estabelecida.

As opções apresentadas pelo serviço de corretagem, mostram ao cliente e garantem a ele uma compra mais segura e um acompanhamento e acessória fundamentais em uma hora tão importante.

Entender que uma transação tão importante e complexa deve ser conduzida por quem entende do assunto é fundamental. Quando o comprador opta pela intermediação de uma empresa especialista no ramo imobiliário, ao invés de tratar diretamente com o proprietário, ele tem acesso ao atendimento especializado, suporte jurídico e o apoio geral em cada fase da compra.

Essa série de vantagens permite que a escolha, a decisão e a efetivação da compra se tornem fluxos bem mais fáceis e seguros, facilitando a vida de proprietários e compradores.

Portanto, na hora de comprar um imóvel leve em consideração essas dicas e analise com cuidado cada particularidade envolvida em um dos momentos mais importantes da vida dos brasileiros.

Busque também junto ao corretor informações sobre compra e venda e todas as possibilidades possíveis para fechar um negócio.

Se você e um investidor ou deseja dar um passo esse ano para sair do aluguel e conquistar seu primeiro imóvel, conte com toda acessória da equipe Vanil imóveis.

Confira outras novidade em nosso blog

Acesse nosso site

reforma em casa

Como organizar uma reforma em casa e evitar surpresas

Fazer uma reforma em casa pode gerar muitas surpresas e custar mais do que você imagina! Além dos custos com pedreiro e materiais de construção, a obra pode se estender por um prazo indeterminado afetando diretamente o seu bolso.
Separamos alguns pontos que podem ser fundamentais na hora de reformar para evitar dores de cabeça.

  • FAÇA UM PLANEJAMENTO
    Saber exatamente o que deseja reformar é o primeiro passo para evitar problemas no futuro. Desse modo, faça um planejamento detalhado com todas as alterações que você deseja fazer em cada cômodo. Além disso, faça a divisão do processo da reforma em etapas, essa será uma maneira de você ter controle sobre o tempo e dinheiro gasto em cada etapa da obra.
  • ESTABELEÇA UM ORÇAMENTO
    Evitar que os gastos da reforma saiam do controle, é importante que você defina um limite de gastos para aquela obra. Dessa forma, pesquise o preço dos materiais que serão utilizados e da mão de obra contratada. Opte por fazer orçamentos com diferentes fornecedores e, se possível, procure profissionais abertos para negociação.
    Além disso, uma obra demanda gastos com energia elétrica e água. Por isso, dependendo da reforma que você for fazer, este consumo pode aumentar significativamente. Portanto, avalie sua capacidade de pagamento para arcar com esses custos sem se endividar ou ficar com o orçamento apertado.
  • SEPARE UM FUNDO DE EMERGÊNCIA
    Imprevistos podem acontecer e em uma obra não seria diferente. Um cano pode estourar, um piso pode quebrar e muitas outras coisas podem acontecer. Portanto, é importante que você separe do seu orçamento para a reforma uma quantia como reserva de emergência. Assim, quando esses imprevistos indesejados acontecerem, não afetará tanto assim o limite de gastos.
  • ESCOLHA BONS PROFISSIONAIS
    O barato pode sair caro, e muitas vezes isso está relacionado ao profissional que você contrata para a sua reforma. Apenas uma pessoa encarregada de todo serviço, por um preço baixo, pode fazer com que sua obra dure mais que o desejado e custe bastante dinheiro. Além disso, algum problema acarretado por ele pode surgir, e você terá que arcar com uma conta que não estava prevista no orçamento.

Portanto, pesquise com  cautela o profissional que você deseja contratar para a sua reforma. Às vezes, pagar a mais por um serviço pode evitar que você tenha prejuízos posteriormente.

  • COMPRE MATERIAS DE QUALIDADE
    Para evitar transtornos e dores de cabeça, avalie o custo-benefício dos materiais da sua reforma. Nem sempre o material mais caro é o melhor, mas também não se deve escolher o mais barato pelo preço, se você terá que trocá-lo em pouco tempo. Diante disso, faça uma pesquisa e peça ajuda para um engenheiro ou arquiteto. Investir um pouco mais de dinheiro em um bom material, te ajuda a evitar gastos no futuro.

Agora que você já sabe como é fundamental um pouco de planejamento e organização, mãos a obra!!!

Confira outras novidade em nosso blog

Acesse nosso site

como impressionar possíveis compradores.

ORGANIZAÇÃO: Dicas de como impressionar possíveis compradores.

Confira algumas dicas de como impressionar possíveis compradores para o seu imóvel!

Você já parou para pensar na importância de organizar a casa para receber a visita de um futuro comprador?
Provavelmente não! Pois, a maioria das pessoas não se atenta a esta tarefa, que é fundamental para despertar interesse pelo imóvel.
Por este motivo, ao longo deste texto vamos te ensinar como organizar a casa para estas visitas. Assim, você aumentará as chances da sua propriedade ser negociada. Confira nossas dicas:

Limpeza

Pode parecer óbvio falar isso, mas a limpeza é o primeiro passo para tornar o seu imóvel mais atraente. Afinal, ninguém gosta de ambientes empoeirados ou sujos.

Desta forma, sempre que um possível comprador for visitar a residência, invista em uma boa faxina no local. Isso vale tanto para os ambientes internos quanto externos do imóvel.
Em outras palavras, não se esqueça de:

  • Tirar as folhas do jardim;
  • – Lavar banheiros e quintal;
  • – Manter a água da piscina cristalina;
  • – Lavar e guardar louças e utensílios domésticos;
  • – Varrer e passar pano em todo o imóvel.
  • – Guardar roupas e sapatos nos armários;

Pequenos reparos

Dado que, a maioria das pessoas que negociam imóveis atualmente, querem concluir a transação para se mudar o rápido possível. Sem precisar realizar quaisquer manutenções no local.
Portanto, antes mesmo de anunciar o seu imóvel, faça uma revisão completa do mesmo e avalie pontos como:

  • Pintura interna e externa;
  • Funcionamento de portas, janelas, tomadas e interruptores;
  • Estado de conservação de pisos;
  • Se há algum vazamento ou entupimento na propriedade;
  • Entre outros.

Iluminação

Nos últimos anos, a iluminação dos ambientes se tornou um assunto com cada vez mais destaque no setor imobiliário e de construção. Não é à toa, que a procura por luzes de LED e projetos luminotécnicos cresceram tanto recentemente.
Visto que, a iluminação diz muito sobre a energia que o local transmite. Bem como, é um elemento que pode ser usado para evidenciar os diferenciais do imóvel na hora de comercializá-lo. Tais como: automação residencial, sistema de energia fotovoltaica, entre outros.

Diante disso, utilize as luzes como uma estratégia para manter os ambientes convidativos e alegres. Assim, quando as pessoas visitarem a sua residência, poderão criar um laço de identificação com a mesma.

Por isso, não se esqueça de acender todas as luzes do imóvel e manter as janelas abertas. Com o intuito de aproveitar a luz natural e contribuir com a circulação de ar.

Retire ou prenda seus pets

Os bichos de estimação são da família e fazem parte da rotina da casa, mas por mais que eles sejam os “moradores”, e os possíveis compradores, as visitas, cães e gatos devem sim ser retirados dos ambientes, pois além de estranharem os visitantes, o que pode causar reações indesejadas, quem for ao imóvel também pode se incomodar com latidos e manifestações entusiasmadas, o que vai tornar a visita incômoda e mais curta do que ambas partes desejariam.

Por isso, deixe os pets amarrados ou presos em um espaço reservado a eles. E guarde, também, potinhos, brinquedos e acessórios.

Arrume a casa de forma que seja possível visualizar a função de cômodos e móveis

Nem tudo é óbvio na planta de uma casa, principalmente quando ela está ou já foi mobiliada. Alguns espaços são multifuncionais ou foram improvisados, como despensas, por exemplo.

Se há alguma peça ou móvel nesta condição particular, fale para o visitante, deixando claro que ele pode dar outra função a ela. Não falar por receio de que “pegue mal”, é pior. Uma casa sempre acaba tendo os traços do morador.

Cheiros

Esta é uma estratégia usada por diversas marcas para reforçar a sua imagem na mente dos consumidores. Mas, de forma subliminar e através de um cheio que estimule a lembrança da marca.

Um exemplo disso é a Melissa, que possui com uma fragrância própria de tutti-frutti. Sendo esta, uma das características mais famosas da marca e que conquista milhares de novos clientes todos os anos.

Desta forma, organizar a casa utilizando esta tática pode gerar resultados positivos para a negociação do imóvel. Visto que, ela ajuda a causar uma boa primeira impressão.

Contudo, antes de sair por aí espirrando um aromatizador pelo imóvel, deixe as janelas e portas abertas para que o ar circule. Somente após isso, que recomendamos a utilização do perfume escolhido, que pode ser substituído por uma vela ou incenso. Outra recomendação que deixamos aqui, é que você opte por aromas de caráter neutro. Uma vez que, eles tendem a agradar o olfato da maioria das pessoas.

Essas são algumas dicas que podem fazer a diferença na hora de fechar negócio.
Agora que você aprendeu como organizar a casa para visitas, que tal anunciar seu imóvel conosco?
Aqui você conta com uma equipe de corretores dispostos a te auxiliar em todo processo de venda.

Confira outras novidade em nosso blog

Acesse nosso site

5 Dicas para planejar ou desenvolver decorações.

Desenvolver decorações pode criar em cada pessoa um sentimento diferente, alguns irão gostar muito, para outros pode ser uma verdadeira terapia, mais também pode ser uma tarefa difícil e estressante para alguns.
Pensando nessas possibilidades separamos abaixo algumas dicas e tendências de decoração que irão ampliar suas ideias ou até mesmo dar um ponta pé inicial no seu planejamento.

Tons neutros e naturais

5 Dicas para planejar ou desenvolver decorações

Cores neutras e naturais nunca saem de moda, utilize cores como cinza, bege, branco e marrom com tons quentes ou ricos como cores de pintura de parede. As cores naturais da terra também são ótimas opções, pois passam uma sensação zen em casa, com ar de paz e tranquilidade.
Para móveis ou elementos decorativos, utilize também cores e texturas inspiradas na natureza como azuis, verdes, vermelhos ricos/profundos e tons de terra, bem como formas orgânicas naturais que adicionam interesse, especialmente porque todos nós passamos mais tempo nos últimos dois anos, vimos a necessidade de incluir materiais mais naturais, plantas, vegetação e árvores dentro de casa.

Toques de verdes e rosa

Cores ainda tem um espaço muito especial no coração de alguns, entre elas em alta no ano de 2022 o verde e rosa, sendo os verdes em tons de joias e rosas de terracota enraizados.
Considerando a psicologia das cores e as necessidades comportamentais humanas conforme mudamos para uma vida endêmica, tudo faz sentido.
Esses tons de verde são calmantes e sinalizam segurança para o cérebro, enquanto os rosas profundos em paletas silenciadas irradiam calor e conforto.

Móveis com curvas

A tendência de móveis curvos disparou, revivendo uma tendência atemporal de meados do século que remonta aos anos 60 e 70. Embora não há um número grande de pessoas adeptos a tendência, o que se espera é um crescimento considerável a utilização de tais móveis.
O conceito pode ser aplicado aos poucos com cadeiras de encosto redondo, espelhos ou ilhas de cozinha.

Vintage está de volta

Os tecidos de nossos avós não são os únicos itens que voltaram. De acordo com especialistas, os móveis vintage estão totalmente “in” neste novo ano.
Móveis vintage vão voltar à medida que o mundo do design começa a buscar opções mais sustentáveis ​​para decorar uma casa.
Comprar de lojas sustentáveis ​​e que fornecem produtos de alta qualidade permitirá manter nossos móveis por mais tempo e em boa forma, o que é, em última análise, mais financeiramente responsável e cuidadoso com o meio ambiente.

Espaços multifuncionais e móveis

Uma das tendências de 2022 que os designers de decoração estão mais entusiasmados é o foco em multifuncionalidade espaços, móveis, quartos e itens que possuem mais de uma função, é uma abordagem mais equilibrada para remodelar e expandir para atender às necessidades de sua família.
Com o crescimento do home office, espaços funcionais passaram a serem mais cogitados devido a grande possibilidade de organização que proporcionam.
Além da ideia de multifuncional, vem o foco em peças e móveis elegantes que atendam a mais de um propósito especialmente se você aluga ou mora em um espaço menor. 

Essas são 5 dicas que podem te ajudar em seu processo de decoração e organização de seu espaço, seja ele grande ou pequeno, mas é importante lembrar sempre de que você pode e deve dar um toque seu sempre, tornar o ambiente familiar e agradável tem mais haver com nossa personalidade do que com qualquer tendência que possa surgir.

Confira outras novidade em nosso blog

Acesse nosso site

DICAS PARA MEU JARDIM

Manter um jardim exige cuidados, porém é recompensador para nós, sendo assim, a Vanil Imóveis traz para você algumas dicas de como cuidar bem do seu jardim.

Mantenha seu jardim sempre aparado, fazendo com que as plantas fiquem mais saudáveis e fortes

Regue sempre, mas não exagere na quantidade, antes de regar verifique se a terra está úmida ou não. Quando se molha demais pode ocasionar o apodrecimento das raízes e a planta morrer.

Em dias muito ensolarados o mais indicado é regar as plantas ao amanhecer ou entardecer, pois a absorção da água pela planta será maior

Além disso, procure regar durante o verão, o jardim e as plantas ao amanhecer ou entardecer. Regando durante o sol quente pode ocorrer a evaporação total da água ou a queimadura das folhas já que a água funcionará como uma lupa combinada com o sol.

Já no inverno, não podemos regar demais para manter o jardim bem apresentável. No inverno o sol é mais fraco, bem como a evaporação da água.

Nesse caso, tome bastante cuidado para não regar além da conta, especialmente as que estão na sombra. Sabemos que com o excesso de água as raízes podem apodrecer e acabamos perdendo a planta.

Fique atento às pragas

 Precisamos estar em alerta com as pragas em todas as estações, embora tenham maior força na primavera. Esteja alerta aos sinais, pois um fungo pode devastar todo o jardim. Afinal, quais são os sinais? As folhas sentem o ataque por serem mais sensíveis. Elas ficam secas, furadas ou até mesmo enrugadas caso sejam atacadas pelas pragas. Não esqueça de ficar atento as formigas, isso indica a presença de sugadores como os pulgões e a cochonilha (pragas recorrentes nas plantas caseiras que aparecem geralmente nos brotos mais novos).

Contra os pulgões temos uma receita caseira e fácil de fazer! Basta passar um pouco de espuma de sabão de coco sobre as folhas das plantas, retirando a espuma após duas horas.

Mantenha o jardim bonito e a calçada também

 Pesquise e estude bem sobre a espécie que quer plantar em seu jardim e conheça o desenvolvimento da planta escolhida. O fícus, por exemplo, é uma planta maravilhosa, mas você pode se frustrar ao plantá-la na calçada, pois possui raízes muito resistentes que podem destruir a calçada e tubulações, causando um grande prejuízo.

Se pretende plantar uma árvore, outra dica importante é consultar as determinações do órgão ambiental de sua cidade. Isso porque o fícus, por exemplo, é proibido por algumas cidades até pela sua seiva ser tóxica.

Cuidados especiais com o inverno

 Para manter o jardim bem cuidado é preciso estar atento a detalhes, essencialmente em estações mais frias. No inverno, aconselhamos escolher as espécies certas para serem cultivadas no seu jardim! Pois as plantas diminuem sua velocidade de crescimento, acumulando para retornarem saudáveis durante a primavera. Enquanto outras espécies de plantas são mais sensíveis quando chega o frio, escolha plantas mais resistentes para ficarem mais coloridas no inverno.

Um belo exemplo é o ipê roxo, primaveras, azaleia, gardênia, camélia e tulipa. As Tulipas são mais adeptas ao inverno por queimarem facilmente com pouca umidade. Já as azaleias florescem no inverno e são ótimas para serem usadas em canteiros ou até mesmo vasos. 

Gostou das nossas dicas? A Vanil Imóveis também se preocupa com os cuidados do seu jardim! Continue conferindo nossas dicas para ficar ainda mais atualizado! 😊